conteudo
Beleza, substantivo feminino; Perfeição agradável à vista e que cativa o espírito. Essa é uma das definições dessa palavrinha que concentra tantas emoções, estímulos e esforços. Afinal quem não quer estar se sentindo agradavelmente bela(o) para si mesmo? Importante frisar que o ideal é mesmo estar agradando a si em primeiro lugar, afinal se não for para se amar, não adianta estar em dia com a aparência, não é mesmo?
 
Homens e mulheres querem e gostam de cuidar da aparência e estar intimamente satisfeitos (as) não só em ocasiões especiais, mas também no cotidiano. A escritora – poetisa – Telma Cunha cuidava bastante do lado intelectual e não  dava atenção para o visual, até que redescobriu sua beleza e atualmente está apaixonada por seus belos cabelos cacheados e sorriso de arrasar.  Confira nosso bate-papo com a escritora:
 
Você é escritora há quanto tempo?
Nasci em 1974 e desde pequena escrevo poesias, mas nunca tinha mostrado a ninguém, sentia vergonha de expor minha alma desnuda, até conhecer o poeta Antônio Juraci Siqueira em 2011.
 
Muitos acreditam - julgam - que mulheres inteligentes não precisam se embelezar você concorda? 
Não concordo. Tento ficar bonita o máximo que eu posso, até comecei a usar antirrugas, porque estou com os pés e as rodinhas nos 40enta (risos).
 
Então cuidar da aparência é importante na sua opinião. Mas o que significa isso para você?
Vida! Tive poliomielite com um ano e seis meses e como sou muito vaidosa, passei vinte anos para superar as sequelas que ela deixou. Foi difícil aceitar minha forma física até o dia em que parei de tentar mudar o que não posso e valorizar o que tenho de bacana e gosto bastante, como meus cabelos cacheados, meu sorriso, meu olhar poderoso, o busto... Foi a partir daí que o espelho me encantou e mostrou que só eu estava preocupada com os detalhes... Entendi que ser cadeirante não é impedimento para ser linda e feliz!
 
O que diria então para quem acha que cuidar da aparência é desnecessário?
Dê valor em estar arrumada(o). Claro que isso não é mais importante do que ser respeitada por suas ideias. Alias nada é mais importante pra mim do que isso. Gosto de ser vista como pessoa antes de ser vista como uma mulher bonita. Aprecio os que param para ouvir o que eu penso antes de me olhar e me (pre)julgar, é muito mais importante!
 
Ser cadeirante influencia de alguma forma seus cuidados com beleza? Como e por quê?
Já contei aqui para ti o drama que foi isso na minha vida! Eu tinha uma resistência muito grande de me imaginar sentada ali. Na realidade, a cadeira de rodas tem um estigma social muito forte. Todo mundo logo a associa à tristeza, invalidez… Não há nada que me irrite mais do que ouvir alguém dizer “fulano vive preso a uma cadeira de rodas”. É justamente o contrário: a cadeira de rodas não prende, ela liberta as pessoas! Sem uma boa cadeira, não teria conquistado tudo que conquistei até hoje. A minha cadeira (asa) não me tira o estilo, ela é apenas um acessório.
 
Ouvi dizer que você ficou bem satisfeita com o salão, por quê? 
Imaginas o transtorno que é circular nas calçadas da nossa linda e deficiente cidade? Os carros estacionam em locais impróprios, não há rampas para facilitar a nossa vida… Vou te contar! A cidade nos exclui, mesmo. Algo absolutamente corriqueiro como andar de ônibus transforma-se em pesadelo. Falta estrutura, preparo, educação e gentileza! Todos esse pontos negativos eu aponto, mas quando encontro algo positivo faço questão de elogiar e o Salão do Cassius Martins me ganhou por garantir o direito igual para todos com sua acessibilidade. Quem dera todos tivessem a sua sensibilidade de fazer a inclusão, sem preconceito!
 
Com o fim do ano chegando qual poesia, mensagem ou pensamento você nos deixa ? 
"O sonho da asa própria''. Eu tenho encontrado tantas pessoas se questionando se estão felizes, que fico me perguntando em que momento das nossas vidas abandonamos o sonho da asa própria. De certa forma, posso me considerar uma pessoa com a asa própria, o que não quer dizer que eu não tenha meus medos e inseguranças... Mas abraço a vida com medo mesmo. Que tal em 2016 vocês ouvirem seus corações? Asseguro que automaticamente, vão sentir suas asas se mexendo, doidas para se libertarem!!!
 
Uma poesia...
 
SONHO
 
-Telma da Cunha
 
Sonho,
passear por avenidas
livres de barreiras
onde possa usufruir de minha liberdade
 
Sonho,
indo e vindo
desfrutando do prazer
da magnitude do viver
sem precisar me isolar ou me esconder.
 
Sonho,
caminhar em parceria com meus irmãos
sem ficar excluída,
perdida na contramão.
 
Sonho
que as diferenças, que me fizeram diferente
já não existem mais e sem estigmas,
aceitam-me como
sou pois enfim
sou filha do amor!
 
Um pensamento...
 
ADIANTE! CONFIANTE! ASPIRANTE!
Consonante em ser... sobre mim, a vida pôs asas e eu vo(o)u... borboletANDO no próprio céu do sentir!
Fotos:AP
  • Compartilhe

Comentários



Deseja receber as informações do Salão Cassius Martins?

Produtos e serviços
Dicas
Noivas da atualidade
Serviços de casamento
Promoção da semana

Instagram


Fatal error: Uncaught exception 'Exception' with message 'String could not be parsed as XML' in /home/storage/e/fb/bb/cassiusmartins/public_html/paginas/lateral.php:148 Stack trace: #0 /home/storage/e/fb/bb/cassiusmartins/public_html/paginas/lateral.php(148): SimpleXMLElement->__construct('') #1 /home/storage/e/fb/bb/cassiusmartins/public_html/paginas/conteudo.php(71): include('/home/storage/e...') #2 /home/storage/e/fb/bb/cassiusmartins/public_html/index.php(124): include('/home/storage/e...') #3 {main} thrown in /home/storage/e/fb/bb/cassiusmartins/public_html/paginas/lateral.php on line 148